Cidadãos de Novo Hamburgo

Sebastião Adroaldo Pereira

Homenageado em 1957

Formado em Direito. Casou-se e teve cinco filhos. Dr. Sebastião jurisdicionou na Comarca de Novo Hamburgo, de 1951 a 1957.

Deixou em Novo Hamburgo muitos amigos, face ao seu gênio afável, comunicativo e alegre. Promovido a Porto Alegre integrou a primeira Câmara Criminal e foi Presidente da AJURIS, Associação dos Juízes do RS. Aposentou-se como desembargador do TJRS em 1986.

A indicação do nome de pessoas para receber o título de Cidadão de Novo Hamburgo, nascidos em outra cidade e que tenham prestado serviços relevantes ao Município, é feita através de Projeto de Decreto-Legislativo. A votação é realizada em Sessão Secreta. Aprovado o projeto, o presidente da Câmara promulga o Decreto-Legislativo, concedendo ao homenageado o título de Cidadão, cuja entrega é feita em Sessão Solene. Poderá ser concedido no máximo um título de Cidadão de Novo Hamburgo por ano, salvo no caso de o homenageado ser estrangeiro, ou quando algum acontecimento extraordinário justificar a referida concessão. O Projeto de Decreto Legislativo concedendo a homenagem deve ser protocolado até o dia 31 de agosto de cada ano. A concessão do título é regulada pela Lei Municipal nº 2.672/2014.